Ainda não há comentários

“A fé sem obras é morta, paroquianos vão as ruas”

Meus irmãos, que interessa se alguém disser que tem fé em Deus, e não fizer prova disso através de obras? Esse tipo de fé não salva ninguém. 15 Se um irmão ou irmã sofrer por falta de vestuário, ou por passar fome, 16 e se vocês lhe disserem: “Procure mas é viver pacificamente, e vá­se aquecendo e comendo como puder”, e se não lhe derem aquilo de que ele precisa para viver, uma tal resposta fará algum bem? 17 Assim também a fé cristã, se não se traduzir em actos, é morta em si mesma.

18 Poderá até dizer­se: “Você tem a fé; mas eu tenho obras. Mostre­me então a sua fé sem obras. Porque eu dou­lhe a prova da minha fé, através das minhas boas obras!”

19/20 Você crê que há um só Deus? Está muito certo. Mas lembre­se que os demónios também crêem o mesmo, e tremem. Você é uma pessoa bem insensata se não conseguir compreender que a fé sem actos de nada vale.

“Numa noite de muito frio no mês de julho de 2017, a nossa irmã Taís ficou sensibilizada e triste ao pensar que tinha muitas pessoas na rua sofrendo  e tinha que sair pra rua e ajudar, foi então que teve a idéia de levar sopas e roupas e calçados e assim aconteceu essa entrega muito emocionante, com mais pessoas se unindo e tornando real o desejo de ajuda ao próximo, parabéns e que daqui para frente seguimos o que Jesus pede ter fé e ajudar o nosso irmão necessitado.”

moradores de rua

Publicar um comentário